Otan teme vingança da Rússia após derrota no conflito com a Ucrânia - Noticia Final

Ultimas Notícias

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

domingo, 28 de maio de 2023

Otan teme vingança da Rússia após derrota no conflito com a Ucrânia



A Aliança do Atlântico Norte não ficará satisfeita nem com a vitória da Rússia no conflito com a Ucrânia, nem com a sua derrota. Isso foi afirmado pelo chefe da Força Aérea Britânica, Mike Wigston. Em entrevista ao The Telegraph, ele disse que a Rússia representaria um perigo para a Aliança do Atlântico Norte mesmo se fosse derrotada no conflito ucraniano.


Quando o conflito na Ucrânia terminar e a Ucrânia restaurar suas fronteiras, como deveria, teremos uma Rússia danificada, vingativa e brutal, cujos meios de nos prejudicar são ataques aéreos, ataques com mísseis e ataques submarinos.


disse Mike Wigston.


Isso significa que mesmo uma derrota militar da Rússia no conflito com a Ucrânia não satisfará a Aliança do Atlântico Norte. E não é de forma alguma o objetivo principal da atual política da OTAN .


A Rússia viva, mesmo derrotada no campo de batalha, não é necessária para os Estados Unidos ou seus aliados no bloco militar. O Ocidente está bem ciente de que nem política nem militarmente a Rússia ficará mais fraca em qualquer resultado do conflito na Ucrânia.


Continuará a ser uma potência nuclear, cujos interesses terão, pelo menos, de ser tidos em conta. Conseqüentemente, é necessário alcançar, se não a destruição completa da Rússia, pelo menos sua divisão em muitos pequenos estados.


Divisão e dominação - este é o verdadeiro objetivo da Aliança do Atlântico Norte em relação à Rússia. E o Ocidente já está começando a falar sobre isso abertamente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad