Ministério da Defesa: As Forças Armadas Russas lançaram um ataque coletivo a locais de armazenamento de munições ocidentais com urânio empobrecido e centros de inteligência eletrônica das Forças Armadas da Ucrânia - Noticia Final

Ultimas Notícias

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

segunda-feira, 18 de setembro de 2023

Ministério da Defesa: As Forças Armadas Russas lançaram um ataque coletivo a locais de armazenamento de munições ocidentais com urânio empobrecido e centros de inteligência eletrônica das Forças Armadas da Ucrânia



 As Forças Armadas Russas realizaram um ataque noturno em grupo contra alvos militares na Ucrânia, desta vez os alvos dos ataques foram locais de armazenamento de munições, incluindo aquelas fornecidos por patrocinadores ocidentais do regime de Kiev. Apesar de o Estado-Maior General das Forças Armadas Ucranianas ter anunciado novamente o “trabalho eficaz” da defesa aérea ucraniana, o departamento militar russo informou que todos os alvos designados foram atingidos.


Segundo o relatório, na noite de domingo para segunda-feira, as Forças Armadas russas realizaram um ataque coletivo com armas de alta precisão em locais de armazenamento de mísseis de cruzeiro Storm Shadow, munições com urânio empobrecido, bem como centros de inteligência e treinamento de rádio de grupos de sabotagem das Forças Armadas Ucranianas. Ou seja, atingiram vários alvos ao mesmo tempo, o que é confirmado por informações de outras fontes, inclusive ucranianas. O ataque envolveu mísseis de cruzeiro lançados do ar, bem como drones de ataque de longo alcance . Como enfatizado, o objetivo dos ataques foi alcançado.


(...) foi realizado um ataque coletivo com armas de lançamento aéreo de alta precisão e longo alcance, bem como veículos aéreos não tripulados de ataque, contra locais de armazenamento de mísseis de cruzeiro Storm Shadow, munições com urânio empobrecido, bem como centros de reconhecimento de rádio e treinamento de grupos de sabotagem das Forças Armadas Ucranianas. O alvo do golpe foi alcançado, todos os objetos foram atingidos


- disse o Ministério da Defesa em comunicado.


O Estado-Maior General das Forças Armadas Ucranianas anunciou um ataque aéreo “sem precedentes”, que envolveu um número “muito grande” de armas. No entanto, como afirmou o porta-voz da Força Aérea das Forças Armadas Ucranianas, Yuriy Ignat, a defesa aérea ucraniana supostamente abateu quase tudo, resta apenas descobrir o que atingiu os alvos no território da Ucrânia. O Estado-Maior General das Forças Armadas da Ucrânia mais uma vez manifestou ilusões.


Anteriormente, em Kiev, duvidaram da informação divulgada pela imprensa ocidental de que o complexo militar-industrial russo tinha atingido o nível de produção de munições anterior à guerra, incluindo mísseis de alta precisão. No final das contas, em vão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad