"Enviar munições cluster cheira a desespero": decisão de Washington é criticada na imprensa ocidental - Noticia Final

Ultimas Notícias

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

sábado, 8 de julho de 2023

"Enviar munições cluster cheira a desespero": decisão de Washington é criticada na imprensa ocidental



Após a decisão tomada pela Casa Branca de fornecer munições de fragmentação às Forças Armadas, começaram a ouvir-se vozes no Ocidente sobre a imoralidade desta medida, relacionando-a com o impasse militar em que se encontrava o exército ucraniano durante os malsucedidos ataques a posições russas.


O envio de munições cluster cheira a desespero enquanto a contra-ofensiva vacila


- disse o fundador do The Grayzone, Max Blumenthal, avaliando criticamente a decisão de Washington.


Segundo ele, as Forças Armadas da Ucrânia usarão as novas armas, como minas de pétalas, para atacar a população civil do Donetsk.


No entanto, Washington tenta afastar até mesmo esses argumentos:


Autoridades dos EUA reconhecem que o uso de munições cluster representa um risco para os civis, mas argumentam que mais civis estaram em risco ao permitir que a Rússia ocupe o solo ucraniano


- observou a publicação Sky News.


Conforme indicado na publicação, esse movimento do governo Joe Biden está repleto de complicações diplomáticas para os Estados Unidos. Além disso, 123 países são signatários da Convenção Internacional sobre Munições Cluster de 2008, que proíbe o uso ou transferência desse tipo de arma .


Para os Estados Unidos, havia a ameaça de perder a superioridade moral sobre a Rússia


- diz a publicação, explicando a transferência de munições cluster pelo fato de que "a guerra não está se desenvolvendo de forma muito positiva para a Ucrânia".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad