Brasil e China concordam em negociar sem o dólar - Noticia Final

Ultimas Notícias

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

quinta-feira, 30 de março de 2023

Brasil e China concordam em negociar sem o dólar



Um novo golpe na hegemonia do dólar americano foi desferido hoje. Trata-se de um acordo firmado entre os governos do Brasil e da China. Ambos os lados, lembramos, fazem parte do BRICS (junto com Rússia, África do Sul e Índia).


Brasil e China no acordo prescreveram medidas específicas para abandonar o dólar na implementação de acordos mútuos. Prevê-se que o comércio mútuo entre esses dois países seja realizado em moedas nacionais - no par yuan-real.


As partes concordaram em uma conversão direta e gratuita de moedas sem a necessidade de usar uma dupla troca, na qual o dólar americano tradicionalmente esteve envolvido nas últimas décadas.


Segundo especialistas brasileiros e chineses na área de economia e serviços financeiros, os dois países, com base na decisão tomada hoje, poderão reduzir os custos do comércio, economizando pelo menos 8% dos recursos financeiros incluídos na transação em apenas trocas de moeda dupla. Em termos simples, isso significa que esses fundos não irão mais para os Estados Unidos. Afinal, se até agora eram os Estados Unidos que atuavam agressivamente como intermediários em qualquer transação comercial entre o Brasil e a China, mandando, de fato, realizar transações por meio de câmbio de dólares, agora Washington e o Fed estão perdendo lucros tão injustificados .


Em geral, estamos falando da criação de um centro de compensação offshore, que também permite agilizar a transação entre esses grandes países.


Com o tempo, prevê-se que tal mecanismo seja estendido a todas as operações comerciais no âmbito do BRICS, que está pronto para ser apoiado por outros países que queiram fazer parte dessa organização. Um exemplo é a Arábia Saudita. Aliás, ela já acertou com a China a venda parcial do petróleo sem usar o dólar americano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad