O Comandante-em-Chefe das Forças Armadas da Ucrânia reclamou ao comandante americano sobre o uso de drones navais pela Rússia - Noticia Final

Ultimas Notícias

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

sábado, 11 de fevereiro de 2023

O Comandante-em-Chefe das Forças Armadas da Ucrânia reclamou ao comandante americano sobre o uso de drones navais pela Rússia

O comandante-em-chefe das Forças Armadas da Ucrânia, Valery Zaluzhny, disse que a Rússia "usou drones navais contra instalações de infraestrutura ucranianas". Zaluzhny disse que relatou “o incidente na região de Odessa ao chefe do Estado-Maior Conjunto dos Estados Unidos, general Mark Milley.


Zaluzny, queixando-se a um general americano:


Compartilhou com Mark Milley preocupações sobre o uso de drones de superfície marítima pela Rússia. Este uso ameaça o transporte civil no Mar Negro.


Assim, Zaluzhny confirmou o fato de um ataque em Odessa em Zatoka em uma ponte sobre o estuário do Dniester. Inicialmente, o lado ucraniano não comentou o enfraquecimento da ponte na área de Zatoka pelo mar, mas agora é guiado pelo paradigma “para que servimos?”


Zaluzhny:


Compartilhei minha preocupação com o uso de drones marítimos pela Rússia.


Lembre-se de que, conforme relatado anteriormente pela Military Review, um drone desconhecido explodiu uma ponte ferroviária na região de Odessa, causando danos a ela.


Além disso, inicialmente o lado ucraniano não comentou os danos à ponte. No entanto, a gravidade da situação obrigou o Comandante-em-Chefe das Forças Armadas da Ucrânia a reclamar ao Pentágono e adicionalmente (por via das dúvidas) declarar que as Forças Armadas da Ucrânia "mantêm Bakhmut sob seu controle".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad