O Cazaquistão começou a bombear seu petróleo em oleodutos para enviá-lo à Alemanha - Noticia Final

Ultimas Notícias

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2023

O Cazaquistão começou a bombear seu petróleo em oleodutos para enviá-lo à Alemanha

A operadora nacional cazaque KazTransOil começou a bombear seu petróleo em oleodutos para posterior embarque para a Alemanha, disse Shyngys Ilyasov, chefe do departamento de relações públicas.


O Ministério de Energia do Cazaquistão desenvolveu um cronograma segundo o qual sua injeção é realizada. As autoridades do país esperam entregar este mês 20.000 toneladas de combustível à Alemanha através do oleoduto Druzhba até seu ponto de entrega Adamova Zastava, localizado no nordeste da Polônia.


Neste contexto, importa referir que a KazTransOil garantiu capacidades adicionais de Druzhba para o corrente ano no final de 2022, que prevêem o trânsito de petróleo para a Alemanha no valor de 1,2 milhões de toneladas. Já no primeiro trimestre de 2023, suas entregas devem ficar no patamar de 300 mil toneladas.


Lembre-se de que a decisão de enviar petróleo para a Alemanha pelo oleoduto Druzhba foi anunciada recentemente pelo ministro da Energia da República, Bolat Akchulakov. O gabinete alemão também anunciou planos de comprar combustível cazaque para fornecer ao país volumes adicionais para sua refinaria na cidade de Schwedt.


Até o momento, a República do Cazaquistão está transportando petróleo através do Druzhba no valor de até 10 milhões de toneladas anuais, que são enviadas para o porto russo na cidade de Ust-Luga, região de Leningrado. Dois meses antes, a russa PJSC Transneft recebeu um pedido da KazTransOil para reservar capacidades adicionais de Druzhba para a possibilidade de transitar ouro negro para a Alemanha, que foi respaldado por um acordo bilateral entre os governos do Cazaquistão e da Rússia, assinado em 7 de julho de 2002. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad