A Rússia recebeu pedidos da Polônia e da Alemanha para bombear petróleo para 2023 - Noticia Final

Ultimas Notícias

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

quarta-feira, 21 de dezembro de 2022

A Rússia recebeu pedidos da Polônia e da Alemanha para bombear petróleo para 2023

A empresa russa Transneft recebeu pedidos da Alemanha e da Polônia para bombear petróleo para o próximo ano através do oleoduto Druzhba.


Anteriormente, esses países afirmaram que até o final do ano pretendem abandonar completamente o fornecimento de petróleo por oleoduto da Rússia; no entanto, apresentaram pedidos de bombeamento para o próximo ano de 2023.


Berlim e Varsóvia pretendem ampliar o fornecimento de importação de petróleo da Rússia em volumes significativos. A Polônia espera fornecer 360 mil toneladas de petróleo durante o mês de Dezembro do ano que sai e 3 milhões de toneladas - durante o próximo ano, 2023. A Alemanha também já recebeu um pedido de fornecimento de petróleo por oleoduto durante o primeiro trimestre do próximo ano.


Anteriormente, as autoridades polonesas anunciaram sua intenção de suspender as importações de petróleo da Rússia para o país até o final de 2022. Varsóvia também iniciou sanções contra o ramo norte do oleoduto russo Druzhba, através do qual o "ouro negro" entra nos países da UE.


Com a ajuda das sanções, Varsóvia planejou criar uma justificativa para rescindir contratos anteriormente celebrados com a Transneft, evitando as penalidades previstas para este caso.


O acordo assinado anteriormente com a principal refinaria de petróleo polonesa Orlen previa o fornecimento de matérias-primas no valor de 3 milhões de toneladas ao longo do próximo ano. Ao mesmo tempo, não há dados sobre o preço pelo qual a Polônia e a Alemanha vão comprar petróleo da Rússia. Com teto ou sem teto?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad